Segundo reportagens dos sites Super Rádio Tupi e CBN, o governador Wilson Witzel pretende demitir o secretário estadual de saúde, Edmar Santos. Os links dos sites estão no final da página.
A decisão teria relação com os escândalos divulgados pela imprensa referentes à compra de respiradores superfaturados e a operação da Polícia Federal que resultou na prisão de nomes ligados à pasta.
Um dos nomes cotados para assumir a secretaria seria de João Gabbardo, ex-braço direito de Luiz Henrique Mandetta no Ministério da Saúde.

Parece que não é só ele que estará de saída. Segundo o site Agenda do Poder,  o secretário de Ciência e Tecnologia, Leonardo Rodrigues, o de Educação, Pedro Fernandes e o queridinho do governador, secretário de desenvolvimento econômico, Lucas Tristão, também perderão seus cargos. A matéria diz que todas as pastas possuíam ligação em contratos sem licitação com o recém preso Mário Peixoto.

Parece que o governador acompanha nosso twitter diariamente, né?

 

(Reprodução da imagem twitter Alana Passos)

Matérias de:

cbn.globoradio.globo.com/media/audio/301754/governador-do-rio-avalia-demitir-secretario-de-sau.htm

www.tupi.fm/sentinelas/wilson-witzel-decide-demitir-secretario-de-saude-edmar-santos/

http://www.agendadopoder.com/lstarticle.aspx?id=2311

http://www.agendadopoder.com/lstarticle.aspx?id=2312#.XsFgD37sHwM.whatsapp